Pessoal

Trinta e cinco

Trinta e cinco anos. Wow! 12.775 dias pra ser mais exata. Durante os meses que antecederam meu aniversário eu estava tão ocupada com os estudos que não cheguei a realmente pensar sobre meu aniversário. Mas agora que o aniversário passou e o stress pré-prova também, a ficha finalmente caiu. Custo acreditar que faz trinta e cinco anos que estou nesse mundo; outro dia mesmo eu estava começando o ensino médio e comemorando meus quinze anos. Vinte anos se passaram num piscar de olhos!

Fazer aniversário sempre me faz refletir sobre a vida, sobre onde estou, sobre onde quero ir. Mas esse ano, não sei, estou mais tranquila e sem as preocupações de sempre. A minha vida, os meus planos e minhas visões de mundo mudaram tanto que hoje em dia eu simplesmente vivo o que o dia me oferece e tento aos poucos deixar as preocupações com o futuro de lado. Eu não estou tão livre-leve-e-solta a ponto de viver o “carpe dien” em sua essência, mas também não tão presa a controlar cada uma das minhas horas em um planner anual. Acho que pouco a pouco tenho chegado ao tal equilíbrio que tanto falam.

Nos últimos anos eu não comemorei meu aniversário simplesmente por falta de vontade sabe? Mas esse ano, deu vontade de fazer algo, então combinei de sair para jantar com minhas amigas e seus respectivos maridos/namorados. Foi ótimo, tão bom que esqueci completamente de tirar fotos. Ainda bem que as fotos mais importantes são aquelas que guardamos na memória.

Também recebi dezenas de mensagens, ligações, cartões e presentes. E claro, deu aquele apertinho no coração quando me lembrei que não iria receber uma ligação da minha mamãe. Também deu um apertinho no coração quando falei com minha vó, que faz aniversário no mesmo dia que eu e está em Belo Horizonte. Datas assim são ótimas para testar a saúde cardiovascular e a que tudo indica, por aqui está tudo bem. Então que venham mais trinta e cinco, quarenta, cinquenta anos!

Até a próxima!

You Might Also Like...

No Comments

Leave a Reply