Pessoal

Rapidinhas pra contar como anda a vida

life-is-happening

As últimas semanas têm sido tão corridas, e o tempo tem estado tão chuvoso, que fiquei um bom tempo sem sair pra bater perna sem compromisso, como gosto de fazer. A história é sempre a mesma, o pouco tempo livre que tenho é usado pra fazer tanta coisa que passeios pela cidade acabam ficando pra depois. E pra completar, nas últimas semanas, além das coisas comuns como estudar e organizar a casa, também “perdi” um precioso tempo fazendo compras de inverno e pesquisando produtos/marcas antes de sair torrando dinheiro.

As vezes as pessoas perguntam: “e aí, o que você tem feito?”, e eu preciso realmente parar e pensar no que fiz naquela semana. Algumas semanas até tenho algo diferente pra contar, mas outras é o mesmo de sempre, trabalhar e estudar. Alguns dias bate aquela preguiça de tudo e não faço nada. Esses dias seriam os ideais para eu vir aqui e colocar tudo em dia no blog, mas quem disse que tenho vontade?

Eu tiro o chapéu pra quem consegue atualizar o blog uma vez por semana e manter uma vida normal de trabalho-estudo-afazeres de casa-exercícios-vida social. Porque eu simplesmente não consigo. Mal mal dou conta de trabalho-estudo! Quando paro pra pensar vejo que na verdade isso é uma questão de planejamento do dia, que no meu caso vai de mal a pior. A verdade é que eu ainda não sei como planejar meu dia de forma eficiente. Talvez seja a hora de colocar isso como uma prioridade e realmente passar a me organizar melhor.

Outro dia Deniz e eu fomos ao cinema assistir ao novo filme da Bridget Jones. Não sei se já comentei aqui, mas eu sou fã dela. Já assisti tantas vezes os primeiros filmes que sei até o que ela ou qualquer um dos atores irá dizer. Também devorei os livros; alta ler o último, que ainda não comprei porque já sei a história e fiquei com raiva do “fim”escolhido pela autora. Bridget Jones é uma versão exagerada de mim mesma, uma vez que não bebo e não sou tão ridícula quanto ela. Digamos que somos gêmeas de alma. 😛

No trabalho está tudo bem; ultimamente tenho trabalhado bem menos e quase todos os dias volto um pouco mais cedo para casa. Pouco a pouco vou criando laços lá, ficando mais próximas dos colegas e etc. Uma coisa que gosto no meu trabalho é o fato de as pessoas serem bem legais em geral; a gente passa tanto tempo lá que ia ser bem complicado se tivesse que passar 10 horas por dia com pessoas chatas. Eles estão sempre organizando eventos e festas e esse mês teremos dois: uma conferência no Navy pier e uma festa de halloween. Tomara que sejam bons. 🙂

Antes de terminar, queria aproveitar e dizer que estou atualizando o blog aos poucos e que já existem cerca de 20 posts começados e que aos poucos estou finalizando. Essa semana eu voltei a ficar empolgada com o blog e estou escrevendo quase todos os dias, então espero que isso renda vários posts. E por hoje é só; tenho que ir porque daqui a pouco já é hora de ir para o trabalho.

Um beijo e um queijo procês!

Vida nos Estados Unidos

A Maratona de Chicago

Hoje eu acordei bem cedo, mais cedo do que eu gostaria na verdade, e já que que não ia conseguir dormir mesmo fui dar minha tradicional espiada pela janela. Todo dia é igual, eu acordo e vou direto pra sala do apartamento ver se o sol já nasceu e, em caso contrário, fico por ali esperando por ele.

img_3820

Apesar de já estar morando ha seis meses aqui, ainda não me acostumei com o privilégio que é poder ver o sol nascer bem em frente da minha janela. Às vezes, fica tão claro, que acabo tendo que fechar as persianas para poder conseguir ver tv. Completamente o oposto do nosso apartamento em Houston, que era tão escuro que mesmo durante o dia eu precisava acender as luzes.

img_3840

E aí que hoje, enquanto eu preparava meu café e curtia os primeiros raios de sol da manhã, pude assistir aos primeiros corredores chegando ao Grant Park para a Maratona de Chicago. Com o avançar da manhã, a rua e a área perto de onde moro foi ficando cada vez mais cheia de gente que veio torcer pelos corredores. Deniz e eu também fomos torcer por um amigo que correu pela primeira vez.

img_3826

A Maratona de Chicago é uma verdadeira atração por aqui e a cidade quase para. E acho que talvez seja justamente pelo fato de a cidade sediar uma maratona tão famosa que tanta gente corre por aqui. Juro, pra todo lugar que você vá, sempre tem alguém treinando. Quem sabe um dia eu consiga voltar a correr. Acho que se a gente continuar morando nesse apartamento, inspiração é que não irá faltar.

img_3829

Houston, Vida nos Estados Unidos

Entrevista para o blog Descobri a América

Esqueci completamente de contar para vocês que dei uma entrevista para o blog Descobri a América. A Carol, autora do blog, escreve principalmente sobre a vida aqui nos EUA e dá dicas super legais para quem está vindo ou já está morando por aqui. Além disso, o blog dela entrevista brasileiros que estão espalhados por todo canto aqui nos EUA e contam suas experiências.

descobriaaamerica

Eu escrevi contando minha experiência/vivências aqui nos EUA e principalmente durante o tempo em que morei em Houston, Texas. Acho que a entrevista ficou bem legal e se você ficou curioso pra ler, corre lá.

Link para entrevista: Como é morar em Houston, Texas

Chicago

Bem vindo outono!

Outono: 1. estação do ano que se situa entre o verão e o inverno [No hemisfério norte, começa quando o Sol atinge o equinócio de setembro (22) e finaliza quando ele alcança o solstício de dezembro (20).]. 2. a época da colheita.

outono

E depois de um verão maravilhoso em Chicago, pouco a pouco os dias quentes foram indo embora e as temperaturas já estão bem mais amenas por aqui. Mas ao contrário de algumas pessoas, entre elas meu querido marido, que estão tristes porque o verão foi embora, eu estou super feliz e animada com essa nova estação.

Uma das coisas que mais gosto é ver as estações do ano mudarem. Gosto da chuva que vem aos poucos levando embora o calor, da seca que muda as cores das folhas, da neve que deixa tudo branco, do calor que derrete a neve e traz as flores e pássaros de volta e da chuva e calor que fazem tudo ficar verde novamente. Eu acho que seria muito chato morar num lugar onde passamos o ano inteiro praticamente na mesma estação.

fall

Nos Estados Unidos, outono (fall) é uma época super movimentada. É época de abóboras e todas as lojas começam ficam decoradas em tons de laranja. Também é época de Halloween, o que leva a decorações das casas, filmes de bruxas na tv e festas à fantasia. Também é época de Thanksgiving, uma das celebrações mais famosas por aqui. E por último, também é época de Black Friday, que mostra ao mundo o ápice do consumismo americano. Sem dúvidas, uma das épocas mais agitadas do ano!

Agora no fim de Setembro as temperaturas estão entre 11-25ºC (as menores temperaturas durante a madrugada) e já preciso usar um moletom ou algo do tipo pra proteger do vento (e da chuva). Aqui em casa já começamos a nos preparar para a chegada dos dias mais frios e quando terminar essa maratona de se preparar para o outono/inverno de Chicago eu faço um post especial pra vocês. O Deniz até que tem bastante coisa e precisou comprar bem pouco; eu precisei comprar um pouco mais porque realmente não tenho roupas de frio aqui. Tenho algumas coisas no Brasil, que estão lá me esperando. 🙂

Agora, pouco a pouco, começo a voltar ao habito de checar a previsão do tempo todos os dias. Me lembro de fazer isso na época em que eu morei na Dinamarca mas perdi o hábito depois que voltei pro Brasil. Estou curiosa pra saber o quão diferente é o outono/inverno de Chicago ao comparar com a Dinamarca. O vento, com certeza, vai ser o grande diferencial. Aguardem os próximos capítulos que eu conto pra vocês a real do outono e inverno de Chicago. 😉

See you!

Pessoal

25 de Setembro

Hoje, 25 de Setembro, é um dia muito, mais muito especial para mim e para o Deniz. Há um ano atrás nós dissemos SIM para nós dois e para o amor que veio de forma tão rápida e inesperada. Há um ano atrás nós decidimos que estar juntos era mais importante do que qualquer vestido, qualquer festa, qualquer anel e qualquer presente. E foi sem dúvidas a melhor decisão de nossas vidas.

loveis

Hoje, quando olho pra trás e me lembro das emoções desse mesmo dia, meu coração se enche de alegrias e meus olhos se enchem de lágrimas. Exatamente da mesma forma que me senti, no momento em que aceitei o pedido de casamento e no momento em que disse “sim” para o juiz.

Hoje, 25 de Setembro, também é o dia do meu aniversário e muitas pessoas acham confuso e estranho eu ter pedido ao Deniz para que a gente se casasse nessa data. Para mim é simples: eu decidi me casar no dia do meu aniversário porque, para mim, esse amor é um presente. Não teria o mesmo sentido eu me casar semanas antes, ou meses depois. Não sei explicar, no momento em que ele me perguntou em que data eu queria me casar eu simplesmente disse que queria me casar no dia do meu aniversário, e ele aceitou.

casamento_sdy

Para celebrar essa data tão especial, fizemos uma roadtrip para Wisconsin e tivemos um jantar mais que romântico no The Signature Room. Trocamos presentes e além dos presentes “físicos”, ele compôs uma música para mim. Mas o mais importante disso tudo foi olharmos um para o outro e ver que o amor que sentíamos nesse mesmo dia, há um ano atrás, é hoje ainda maior e mais profundo. Hoje, 25 de Setembro, é o dia de celebrarmos o amor, o nosso amor.